Brasil desclassificado, Japão campeão mundial

Domingo de bola.

Brasil erra três cobranças de penalidades máximas e o goleiro paraguaio defende uma. Paraguai classificado para a semifinal da Copa América. Na véspera, foi a vez da Argentina tropeçar, cedendo ao Uruguai, de Fórlan, o avanço para as semifinais.

No mundial feminino, disputado na Alemanha, o Japão entra em campo determinado. Não liga para as bicampeãs mundiais dos EUA. Depois do empate suado no tempo regulamentar, a seleção japonesa tem de igualar o placar na prorrogação, que começou com um gol das norte-americanas. E chega lá. A decisão vai para os pênaltis e o Japão, miudinho, mas corajoso, ousado, leva a melhor e fica com o título,  mesmo com a imensa torcida alemã apoiando as bicampeãs. Dois jogos, duas lições. Uma, de patriotismo, de honra à camisa. A outra, de soberba, medo, incapacidade.

Mano continua sendo o treinador da Globo e do Roberto Teixeira. Dunga só é lembrado pela dupla insana – CBF e Globo – como pedra no caminho da seleção.  É o futebol na Bolsa de Valores.

Anúncios
Post a comment or leave a trackback: Trackback URL.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: