Empresário chinês vê crescimento brasileiro irreversível

Ronald Lau

O “garotão” da foto é Ronald Lau, chinês que preside o New Universe Investments, do Grupo Brascabos, com sede em Hong Kong,  empresa de ponta que tem unidades em Rio Claro (SP) e Manaus. Foge completamente ao figurino típico do chairman (presidente). Veste-se sem qualquer cerimônia, é jovem, de uma simpatia impressionante, educado, muito cortês, simples e, para completar, não deixa qualquer dúvida sobre sua aguçada inteligência. 

Lau, que esteve em Rio Claro há uma semana, inclusive avistando-se com o prefeito da cidade, Du Altimari, visita o Brasil desde 2004 e o município desde 2005. Sobre as impressões que tem do país desde o primeiro contato, há 11 anos, ele não hesita: as mudanças são visíveis, o Brasil está numa verdadeira ebulição econômica. Entre os BRICs, agora inflado com a participação da África do Sul, ele ainda destaca o Brasil com ótimas chances de crescer muito mais. E justifica a aposta aludindo aos recursos naturais do país, à população bem inferior à chinesa (hoje batendo na marca de 1,4 bilhão de pessoas ) ou da India. 

Em Rio Claro, onde a Brascabos acaba de formalizar sua intenção de investir mais R$ 5 milhões para ampliar sua fábrica, Lau informou que a empresa vai abrir seu capital na Bolsa de Cingapura. Sobre o anúncio do governo chinês, semana passada, de que estaria disposto a socorrer a Europa, o chairman avalia com cautela. Acha que a China poderá oferecer ajuda, sim, mas comedida.

Anúncios
Post a comment or leave a trackback: Trackback URL.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: