Brasil: terra de branco mulato, terra de indio doutor

Indio quer apito, sim. Mas, agora, para arbitrar seu próprio destino. Notícia publicada nesta sexta, 4, no portal G1 nos dá conta de que 32 indios matricularam-se nesta semana em cursos da Universidade Federal de São Carlos (UFSCar). Eles, que vêm de estados do Nordeste, Norte e Centro-Oeste, estudarão nos campus de São Carlos (a maioria), Sorocaba e Araras. Entraram na universidade depois de passarem pelo vestibular aplicado exclusivamente  para candidatos indígenas. Com os novos matriculados, a UFSCar tem, hoje, quase 90 indios frequentando seus cursos. Muitos deles revelam o propósito de pegarem o canudo e, então, retornarem às suas comunidades de origem para aplicar os novos conhecimentos em suas aldeias. Coisa boa de se ler, né não? E tem gente que ainda desce o pau no governo Lula e na sua projeção, Dilma, que encampam a tese de que lugar de indio também é na universidade, já que boa parte da terra dessa gente foi surrupiadas pelos brancos. Não dá pra quitar a dívida histórica que temos com esses povos, mas dá pra amortizar parte dela.

Anúncios
Post a comment or leave a trackback: Trackback URL.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: