Lugar da cultura é na cesta básica

Marcos Weissheimer, excelente blogueiro do Rio Grande, informa que o escritor gaúcho Armindo Trevisan divulgou texto de apoio à candidatura do petista Tarso Genro, que lidera a corrida ao governo daquele estado.   O apoio a Genro não surpreende, já que o petista tem história – e das boas – e merece que os intelectuais, produtores e fomentadores da cultura no Rio Grande do Sul embarquem em sua campanha. Supreendente e genial é como Trevisan explica seu apoio e vê a cultura,  segundo Weissheimer:

“Tarso é um dos raros políticos que tem condições de avaliar a problemática cultural. Ele é, inclusive, uma garantia de que é possível tirar nossa cultura do impasse em que se encontra, subvencionando-a e tornando-a, por assim dizer, um item da cesta básica de qualquer cidadão.”

Cultura como item obrigatório da cesta básica. Poderia ser melhor? Oxalá Tarso e outros futuros eleitos (ouviu, Tia Dilma?) comprem e patrocinem a idéia de Trevisan.

Anúncios
Post a comment or leave a trackback: Trackback URL.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: